Skip to main content

O que é e como fazer um texto dissertativo

Por tratar-se do modo de organização do texto mais frequente nos exames vestibulares, seguem algumas observações que podem ajudá-lo a elaborar um texto dissertativo a partir das habilidades exigidas.

Nas propostas de dissertação, tem-se oferecido aos candidatos um texto-base ou uma coletânea com diversas produções que devem ser consideradas na construção do texto.

Essa coletânea, que funciona como ponto de partida, exige um exercício de leitura e interpretação e uma seleção de elementos relevantes que devem ser extraídos para se estabelecer relações. Se considerar mais fácil, você poderá começar sua redação escrevendo tudo que vier à cabeça e depois selecionar o que julgar mais importante.

Estabeleça uma linha de argumentação, pense em um caminho para defender seu ponto de vista, relacionando as ideias entre si e estabelecendo hierarquias.

Defina a estrutura de seu texto: introdução, desenvolvimento e conclusão, e, a partir desse esquema, estabeleça o ponto de partida, as ideias que serão apresentadas para tratar da questão, as possíveis soluções para ela.

Como é possível desenvolver o tema de várias formas, você deve escolher a melhor forma de abordagem, contando com sua experiência pessoal e seu conhecimento sobre o assunto. Recomenda-se escrever impessoalmente, dirigindo-se a um interlocutor genérico.

Identifique e organize a apresentação dos fatos; defenda uma tese por meio de argumentos consistentes e os encadeie de forma coerente; por fim, faça uma conclusão que retome o que foi dito e que dê um fechamento ao texto.

Finalmente, não se esqueça de realizar uma verificação final:

  • Os parágrafos e as frases estão construídos adequadamente?
  • As informações estão devidamente apresentadas, com hierarquia e correlação?
  • Houve adequação e pertinência vocabular?
  • O texto corresponde à modalidade escrita formal?

Não se esqueça de checar alguns itens que são sempre avaliados, como correção gramatical (grafia, pontuação, etc); organização de ideias (coerência, coesão, clareza, etc); adequação da linguagem à norma culta da língua.

Você pode utilizar conceitos de várias áreas, recorrer a fatos de seu conhecimento e dados estatísticos, fazer comparações, citações, expor ideias. Mas é muito importante que seu texto tenha uma unidade de sentido, ou seja, deve haver coesão entre as frases, períodos e parágrafos, assim como correlação entre as informações e ideias apresentadas. Portanto, os elementos do texto não devem se contradizer; não pode haver quebra da progressão discursiva ou conclusões dissociadas do que foi exposto.

Agora que você sabe o que é uma dissertação, fica a pergunta:

Você quer aprender a fazer um texto perfeito?

Avalie este artigo

Site Quero Passar

Site educativo com informações sobre o Enem, SISU, Prouni, vestibulares e concursos. Material de apoio, revisão e produtos educativos e dicas para otimizar os estudos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *