Skip to main content

Como fazer uma carta argumentativa

A carta argumentativa apresenta uma reclamação e/ou uma solicitação a uma autoridade ou pessoa responsável. Em geral, trata de uma ou várias queixas a respeito de um ou mais problemas, suas causas e consequência. Se for possível, sugere-se uma proposta de solução imediata.

A carta argumentativa tem uma finalidade persuasiva e costuma apresentar a seguinte estrutura:

  • Local e data.
  • Identificação do reclamante e do destinatário.
  • Corpo do texto.
  • Expressão de despedida.
  • Assinatura.
  • Nome do reclamante.

No corpo do texto, a exposição deve ser sucinta e apresentar o objeto da reclamação ou da solicitação, expondo argumentos, descrevendo os fatos que motivam e fundamentam a reclamação ou solicitação. Costuma-se juntar à carta uma cópia dos documentos que comprovem o que está sendo dito, por exemplo, uma nota fiscal.

No caso da carta argumentativa em que haja solicitação de uma solução para o problema, o reclamante pode ou não incluir uma proposta. Em geral, solicita-se resposta por escrito, via e-mail ou carta, e pode-se fixar o prazo de resposta.

A linguagem deve ser clara, objetiva, polida e seguir o padrão formal, geralmente na 1ª pessoa. Os verbos costumam ser empregados no presente do indicativo. Veja, a seguir, dois exemplos de carta argumentativa.

Se você quer mesmo aprender a fazer uma dissertação, clique no banner abaixo.

Modelos de Carta Argumentativa

Modelo de carta nº 2

Modelo de carta nº 2

Propostas de Produção de Texto – Carta argumentativa

Leia as propostas e escolha uma delas.

1ª proposta

Elabore uma carta argumentativa para um destes destinatários: seus pais ou familiares; seus amigos, vizinhos ou colegas de escola; seus professores; uma ou mais pessoas em relação às quais você tenha alguma queixa.

Justifique sua reclamação e dê uma sugestão para resolver o problema.

Troque de texto com um(a) colega. Leia a reclamação escrita por ele(a), mas procure fazer uma leitura com o olhar do destinatário da carta.

Verifique se a queixa está expressa de maneira clara, se está bem justificada e se a linguagem é coerente com o relacionamento entre o destinatário e o remetente. Escreva suas sugestões em uma folha avulsa. Devolva o texto para seu (sua) colega com as sugestões.

Se necessário, reelabore seu próprio texto a partir das anotações do(a) colega.

2ª proposta

Imagine que você, sem perceber, comprou um produto defeituoso. Elabore uma carta argumentativa queixando-se ao fabricante e requerendo a substituição do produto. A linguagem deve ser formal.

Troque de texto com um(a) colega. Leia o texto de seu (sua) colega e verifique se a carta foi elaborada de acordo com os padrões definidos. Faça sugestões por escrito.

Cada aluno deverá reelaborar o próprio texto de acordo com as sugestões do(a) colega.

Site Quero Passar

Site educativo com informações sobre o Enem, SISU, Prouni, vestibulares e concursos. Material de apoio, revisão e produtos educativos e dicas para otimizar os estudos.

2 comentários em “Como fazer uma carta argumentativa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *